Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Remate Digital

Faz sentido lançar um miúdo de 13 anos nos sub-20?


Karamoko Dembele, tem apenas 13 anos, mas estreou-se nesta última segunda-feira pela equipa sub-20 do Celtic.

É provavelmente um recorde, mas será que a opção tomada pelos responsáveis do clube escocês foi devido ao facto do jogador já ter capacidades ou apenas se trata de "show-off"?

Aliás, fazemos outra pergunta antes de continuarmos: será isto benéfico para a evolução do atleta?

Pelos vídeos e pelas opiniões que chegam da Escócia é indiscutível que Dembele tem muito talento, mas estamos a falar de um iniciado de 1º ano!

É normal jovens com mais capacidades jogarem num patamar superior, mas este caso ultrapassa tudo o que vimos até hoje. 

Estamos a falar de uma idade em que o atleta por muita habilidade que possua, ainda não está suficientemente desenvolvido para jogar num escalão tão avançado.

Se o está, é porque se trata de um fora de série! Quer dizer... nem um fora de série estaria preparado.

Agora é tempo de esperar, para perceber o que fará o Celtic deste miúdo nos próximos tempos. Em que escalão irá jogar? Como irá lidar com todo este mediatismo?

Partindo do princípio que não continuará a jogar nos sub-20, outra pergunta se impõe. O que ganhou Karamoko Dembele com isto?

Nada de positivo certamente. Apenas terá de suportar a fama e o protagonismo que lhe carregaram ás costas tão cedo.

Se é tão promissor, é normal que seja colocado num escalão à frente, mas quem trabalha com miúdos tem que gerir melhor os exageros nas suas acções. 
Aliás, em tudo na vida... mas quando estamos nesse meio temos de ser ainda mais cuidadosos naquilo que fazemos para os ajudarmos a crescer não só como jogadores, mas acima de tudo como homens.