Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Remate Digital

Como está o teu clube? - Vitória FC - Adeptos

A mostrar 1052988_1019246958118473_764297728725439931_o.jpg

''A nossa página sente-se orgulhosa e aceita sem espinhas este desafio por parte do Remate Digital. Pois o futebol português não é só 3 equipas, também existem outras 15 na Primeira Liga...Parabéns desde já pela vossa ENORME iniciativa!

Como está o meu clube? 
O Vitória FC tem vivido uma temporada regular a nível futebolístico mas péssima a nível de direcção pois os dirigentes do Vitória estão a ser suspeitos de corrupção e o presidente há muito que não agrada aos sócios. Em Março vai haver eleições no clube e até agora os candidatos são Mauro de Almeida, Manuel Fona Vieira e Vitor Hugo Valente.
Voltando ao futebol... Após a última época, no qual o ENORME fez uma excelente primeira volta mas patinou na segunda (garantido só a permanência na última jornada) o treinador Quim Machado foi o grande sacrificado do ano. 

Para o seu lugar veio José Couceiro, um velho conhecido do clube sadino, pois nas duas vezes em que cá tinha estado garantiu em 2004-2005 praticamente a Taça de Portugal e em 2013-14 uma época também ela muito boa, tendo acabado o campeonato em 7º.

A época 2016-17 começou com uma vitória sobre o Belenenses por 2-0, com muito público no Bonfim. Seguiu-se um início invencível para o Vitória, pois a equipa verde-e-branca empatou na Luz 1-1 (tendo começado a ganhar por 0-1), venceu o Arouca por 2-0 e foi a Chaves empatar a zero. Na jornada 5, tudo indicava que o Vitória ia vencer o Paços mas precipitou-se e acabou derrotado por 1-4 (num jogo nem sempre justo).
Mais derrotas e empates (2-1 em Braga, 0-1 contra o Marítimo e 1-1 contra o Feirense) chegaram e nada ajudaram, mas o empate 0-0 com o Porto e o triunfo 1-2 frente ao Moreirense ajudaram um pouco a moral dos jogadores.
Seguiu-se então um período razoável com vitórias sobre Estoril, Tondela e Nacional e derrotas que se compreendem frente ao Sporting, Vitória de Guimarães e Boavista (esta que até merecia empate). No último jogo, já a contar para a segunda volta, o Vitória venceu e dominou o Belém por 1-2, ocupando agora o 8º lugar da tabela e voltando a pôr a equipa de volta na senda dos bons resultados e grandes exibições que há muito não se via.

Na Taça de Portugal, e dado que o plantel tinha um treinador especialista na competição, o Vitória começou por empatar a 0-0 na Trofa, tendo vencido nas grandes penalidades, venceu o Benfica de Castelo Branco por 0-2 (um clube que guarda boas memórias para os vitorianos pois em 1992 o Vitória levou até lá cerca de 10.000 pessoas e venceu também) e depois nos 1/8 de final calhou o Sporting no Bonfim. O Vitória jogou melhor que a equipa leonina mas acabou derrotado com um golo de Bas Dost já no final, o que levou por terra o sonho do Jamor.

Na Taça da Liga, competição que o clube venceu pela primeira vez, o Vitória perdeu mesmo contra o Varzim, o que chegou mesmo a pôr José Couceiro em alerta vermelho pois os resultados eram negativos e as exibições eram péssimas, mas a vitória sobre o Arouca por 1-0 (num jogo fraco) e a vingança frente ao Sporting por 2-1 ditaram a presença na Final Four do troféu.

Quanto a transferências de Inverno André Claro (um jogador importante na manobra sadina) foi para o Estoril, Ruca foi para o Tondela e André Geraldes e Ryan Gauld partiram de novo para o Sporting, motivo de grande polémica nos dias de hoje e que acabou por fazer cortar relações entre os dois clubes. Para os seus lugares ainda ninguém veio confirmado mas muito perto está João Teixeira e Pedro Tiba e Zequinha estão muito perto.

O objectivo da época é garantir já a manutenção (que não deveria ser nenhum objectivo), chegar pelo menos aos 40 pontos e ganhar a Taça da Liga, no qual temos já jogo amanhã frente ao SC Braga, um adversário difícil e histórico que vamos respeitar, mas que vamos fazer tudo para ganhar e trazer já a segunda Taça da Liga para Setúbal.

Saudações Sadinas!''